Fish, um terminal amigável e inteligente

Nesses últimos tempos tenho trabalhado muito no ambiente do Linux, fazendo diversas operações de arquivos, compilação e configuração no terminal. E com isso venho aprendendo a usar o terminal de forma hardcore, usando diversas aplicações do Linux no dia a dia, como sed, grep, find, make, cmake, git. E estou gostando bastante. Recentemente um amigo (obrigado Akira) me apresentou um shell para o terminal bem diferente, o fish. Até então, vinha trabalhando com o padrão do ubuntu (bash). E mudando, me fez perceber várias sutilezas que acabam fazendo uma pequena diferença no todo.

placeholder



Novas mudanças

Muitas vezes é difícil e desafiador mudar. Ventos que vem, e que vão, que por vezes resistimos a sair do lugar. Nos agarramos aos galhos e troncos que mais gostamos, nossos amigos, projetos, e até pessoas conhecidas com as quais nem conversamos muito. E fazemos isso porque sabemos que não vão sair tão facilmente do lugar. É dificil deixar nosso abrigo e todo o conforto que construímos ao longo do tempo, mas algumas tempestades vêm para lavar o corpo e a alma, e acabam por te levar a novos rumos.

Foi o que aconteceu novamente. Chegou a hora de trilhar novos caminhos com muitos outros desafios. Um novo emprego, uma nova empresa, e um mundo ainda a aprender.

placeholder



Construindo uma peça 3D para minha Janela

Há um tempo atrás recebi algumas pessoas em casa que acabaram quebrando, sem querer, uma peça da janela. Essa peça mantinha junto a alavanca e as canaletas que ajudam na fixação do vidro.

A falta dessa peça estava me incomodando já a um tempo. Pois, toda vez que ia abrir a janela as canaletas saiam.

placeholder

Resolvi com a impressora 3D.



Metas 2019

Adeus 2018. Olá 2019.

Depois de um ano cheio, encerro os trabalhos com quase 160h no “banco”. Foi menos que em 2017, mas mesmo assim um número muito alto. Contudo, apesar de tanto trabalho, no final valeu a pena. No mês de Dezembro em uma viagem a trabalho para os EUA consegui esticar minha estadia lá para tirar essas horas em excesso ^^. E foi muito bom. Uma viagem para o exterior realmente te faz refletir sobre a realidade que você vive.

No total foram 3 semanas lá usufluindo da minha folga e gastando todo o pouco dinheiro que consegui juntar ao longo do ano. E valeu a pena, totalmente pela experiência. Foi minha primeira viagem internacional.

Ao chegar aqui, a vida continua a mesma. Já caí na rotina de novo. Mas bora tentar animar esse ano de 2019 e bater as metas novamente.

placeholder